Sabes o que Significa Realmente as 4:20?

0
299

planeta sensi27
Quantas vezes nos deparamos com estes algarismos, sejam eles usados para transmitir algum pensamento ou simplesmente comunicar alguma informação? Desde quando esta combinação pertence à prática de um ritual? Que sentido fará a actual utilização, divulgação e alastramento deste número? De que forma isso consegue representar e identificar uma comunidade mundialmente interligada?

Ora, como Selajahfary está constantemente a pensar no reconhecimento da cultura associada não só ao Reggae e à Jamaica, desta vez tentamos desmistificar uma história relacionada também com a cultura cannábica, mais concretamente a origem de uma tradição que não tem morrido com o passar dos anos (antes pelo contrário). De realçar ainda que, durante a pesquisa, encontrámos várias versões semelhantes à abaixo publicada, sendo que esta nos pareceu a mais unânime e credível mesmo que possa ser naturalmente refutada em alguns pormenores.

4201Regressemos ao Outono do ano 1971, em San Rafael, estado da Califórnia (EUA), onde um grupo de jovens estudantes da San Rafael High School se reunia depois das aulas para fumarem marijuana e intitulavam-se os ‘Waldos‘ porque o seu spot era por trás de um muro – Wall em inglês –  da escola. Certo dia este grupo ouviu falar acerca de uma plantação de Marijuana abandonada perto de Point Reyes, então decidiram passar a encontrar-se na estátua de Louis Pasteur, designando as 4:20 PM como a sua hora de encontro para que pudessem partir em busca da tal plantação enquanto fumavam a sua erva. Os Waldos referiam-se a este plano através do código ‘4:20 Louis‘ mas, depois de inúmeras tentativas nunca a chegaram a encontrar, sendo a expressão reduzida ao que hoje conhecemos como 4:20 rapidamente adoptada pelos jovens como código que significaria o acto de fumar marijuana e assim ganhou a popularidade de forma espontânea.

4:20Desde então que este número perdurou durante mais de 40 anos, não só devido à simplicidade de ser comunicada uma mensagem mas, também a facilidade de servir como disfarce quer para as autoridades, quer para os pais mais curiosos e faladores, passando assim de uma senha local para um símbolo internacional. O Diretor Criativo da revista High Times – fundada em 1974Steven Hager, foi a primeira pessoa a rastrear os Waldos e a publicar os seus relatos das origens do termo. Hager escreveu um artigo na edição de Outubro de 1998 da High TimesAre You Stoner Smart or Stoner Stupid?” no qual referiu a 4:20 PM como a hora do dia socialmente aceite para consumir cannábis.Eu acredito que 4:20 é uma ritualização do uso de cannábis que tem profundo significado para a nossa subcultura“, escreveu Hager. “Isso também aponta numa direção para o uso responsável de marijuana.”

weed15Actualmente, possui um peso sociocultural enorme e múltiplos significados como a solidariedade, o compromisso, a cumplicidade, a união e a luta pela legalização da marijuana entre todos os membros desta comunidade. O significado da expressão 4:20 foi-se modificando com o tempo e o passo seguinte foi adaptar esta realidade ao calendário universal, facilmente correspondendo o número 4 ao mês de Abril e 20 ao dia. Esta adaptação começou a ser utilizada pelos consumidores de marijuana por todo o lado e actualmente neste dia a esta hora, milhões de pessoas fumam-na publicamente em diferentes locais do mundo. Tornou-se um feriado da contracultura na América do Norte mas, esta celebração é também um fórum sócio-cultural onde se discute e fala-se publicamente acerca de questões relacionadas com a sua legalização, uso e cultivo.

Pot HolidayEm inúmeros lugares onde esta é ilegal, o simples ato de acender uma ‘mariapublicamente sem que a polícia possa intervir, faz desta celebração um protesto, um desafio e uma reivindicação da legalização e do seu consumo responsável. Por muitos estados americanos é celebrada esta data, porém acredita-se que tenha começado no ano de 1995 em Vancouver, Colômbia Britânica, quando um grupo de 200 fumadores se organizou em público em modo de protesto, reivindicando a despenalização da cannábis, sendo hoje uma das maiores do continente.

forsaleActualmente grandes festas com desfiles, eventos musicais, actividades de entretenimento, vendas de comida e merchandise relacionados com a cultura da cannábis, bem como debates políticos, científicos e medicinais são organizados pontualmente em grandes cidades não só como San Francisco, Denver, Boston, Seattle e Nova Iorque, mas também em Toronto, Ottawa, Ontário no Canadá, um pouco pela América do Sul, Austrália e até Nova Zelândia. Relativamente à Europa, o termo 4:20 não possui o simbolismo tão marcante, talvez porque o seu consumo não é claramente ilegal nos diferentes países e o debate sobre um uso menos restritivo da cannábis está sobre a mesa de forma quotidiana. Mesmo assim organizam-se numerosas competições, concursos e prémios para os diferentes tipos de marijuana conhecidos, no entanto, parece notar-se uma ligação mais forte à hora 4:20 PM que com o dia 20 de Abril, o que impede que se celebrem manifestações em cidades como Londres, Amesterdão, Paris, Madrid, Berlim e Roma nessa data. Também na Europa é ainda prejudicado pela coincidência de que o 20 de Abril ser a data de nascimento de Hitler, o que impede algumas nações como a França de terem razões para festejar, servindo o dia 18 de Junho como o substituto para esta celebração.